terça-feira, 20 de outubro de 2015

Blog

Francisco José Viegas, Correio da manhã, 2015.10.19

A ideia de que a religião é um "assunto ultrapassado" e impróprio para "os grandes meios" é absurda. 19.10.2015 00:30 A ideia de que a religião é um "assunto ultrapassado" e impróprio para "os grandes meios" (não falo das colunas assinadas por respeitáveis padres católicos, que tratam das suas teologias) – é absurda. Por isso, vale a pena escutar, na Antena 2, aos domingos (repete na Antena 1 nas noites de terça), uma emissão chamada ‘E Deus Criou o Mundo’, onde Abdool Vakil, Pedro Gil e Isaac Assor discutem com Henrique Mota as matérias das suas religiões (muçulmana, católica e judaica, respetivamente). Nenhum tema é tabu ou matéria é dispensável; basicamente, trata-se de saber o que cada um deles, e suas religiões, responde a perguntas aparentemente banais (desde a criação do mundo ao apocalipse) e apontando leituras ou caminhos a seguir. Num mundo em que a religião está cada vez mais afastada dos media, este programa é um oásis.
Enviar um comentário