Federação Portuguesa pela Vida marca concentração frente ao Parlamento

05.05.2018  RR ONLINE

“Todos nós que nos temos empenhados nesta luta temos consciência que a eutanásia não é desejada pela nossa população”, refere comunicado.




No dia 29 de maio vão ser discutidos quatro projetos de lei que pedem a legalização da eutanásia. Por isso, a Federação Portuguesa pela Vida (FPV) marcou uma concentração em frente ao Parlamento para esse dia.
A FPV lembra que, através da campanha Toda a Vida tem Dignidade, tem combatido “este ataque à Vida e à dignidade das pessoas doentes e em fim de vida”.
Em comunicado, a Federação refere que “é a hora de sair à rua (com todos os movimentos sociais e as organizações que têm intervindo neste debate) para demonstrar aos deputados a indignação de que temos sido testemunhas nestes dois anos”.
“Todos nós que nos temos empenhados nesta luta temos consciência que a eutanásia não é desejada pela nossa população”.

A organização confirma “uma concentração em frente ao Parlamento no dia 29, terça-feira, às 13h30. Para este evento ser um sucesso é necessário que todos nos juntemos para assim conseguir trazer a São Bento o maior número de pessoas”.
Já no dia 24 de maio há outra manifestação, organizada pelo Movimento Cívico Stop eutanásia, marcada para frente ao palácio de São Bento para "apelar aos deputados" e lembrar-lhes o "descontentamento popular sobre a legalização da eutanásia".
Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Sou mãe de um forcado. E agora?

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência