A amizade




Então ouvi uma voz. Era o meu amigo que me chamava. Imaginou que o nevoeiro me tivesse desorientado e decidiu vir à rua ao meu encontro. Então percebi. O meu anjo tinha-o enviado. E agora sei que há algo mais forte que o nevoeiro: a amizade. A amizade que faz presente a cruz e o anjo da guarda. "Quem vos recebe, a mim recebe; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou" (Jo 10, 40). Conto de Páscoa João César das Neves

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Se eu fosse filmado secretamente...

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência