O que pensa do 25 de Abril?

" Muitos aderiram com entusiasmo à retórica dos demagogos. Mas através da confusão aqui e além, erguiam-se vozes defendendo outro entendimento de liberdade. E, aqui e além, a inteligência popular arrebitava a orelha. 
Na televisão, certo dia, apareceu um jornalista a fazer uma reportagem nas terras do Norte. No ecrã via-se um camponês alto, magro e mudo, a subir a passos largos e pausados uma íngreme ladeira, enquanto o jornalista de microfone em punho, corria atrás dele. Finalmente consegui alcançá-lo e perguntou: 

- O que pensa do 25 de Abril?

- De que ano? - respondeu o camponês.
E impassível, seguiu o seu caminho."

Sophia de Mello Breyner Andresen
In O cego,  Quatro Contos Dispersos
Porto Editora
Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência

Sou mãe de um forcado. E agora?