Galinhas felizes

27-01-2012 8:54 RR on-line
Aura Miguel
Há quem perca a casa por causa da crise, mas as galinhas europeias têm que ter um ninho, um poleiro e terra para esgravatar e desgastar as unhas.
A decadência da Europa está aí, à vista de todos e com problemas sem fim: crise financeira, endividamento das famílias, insolvências, desemprego, fome.
Há famílias que perdem a sua casa por causa das dívidas. É grande a desorientação sobre as prioridades, há muita confusão sobre os valores da família e educação... Já para não falar na solidão e desespero de tantos, nos idosos que morrem abandonados, nos rostos tristes ou apreensivos de muitos que se cruzam connosco, no desencanto que nos espera no próximo futuro.
Mas a razão destas minhas palavras sobre a decadência da Europa não tem a ver com o que disse até agora, porque problemas sempre os haverá. Tem, sim, a ver com a maneira como as nossas instituições, nomeadamente, ao nível europeu, enfrentam tudo isto.
Então não é que ontem mesmo a Comissão Europeia ameaçou multar Portugal por não cumprir uma directiva com indicações fundamentais para galinhas felizes?! Sim: a Europa quer galinhas poedeiras felizes e quem não lhes der um espaço com 750 cm2, uma cama, um ninho, um poleiro e terra para esgravatar e desgastar as unhas será multado...

Comentários

Anónimo disse…
gosto sempre muito das crónicas e artigos de Aura Miguel.penso contudo que a criatividade na ajuda ao próximo não pode ser confundida ou enaltecida pela ridicularização de normas de bem-estar animal. penso que haverá algum desconhecimento quanto a estas e sua importancia.Não esqueçam que o respeito pelas regras de bem-estar aumenta a produtividade em explorações agro-pecuárias.
Mónica Vieira
(médica veterinária)
Daniel Rei disse…
Caríssima Mónica Vieira,

Se "o respeito pelas regras de bem-estar aumenta a produtividade em explorações agro-pecuárias" a "multa" é aplicada pela realidade do não aumento de produtividade.
Parece que a Comissão Europeia quer matar-nos para nos salvar de nós próprios. Não faz sentido!

Daniel Rei
Anónimo disse…
Haja bom-senso! As regras europeias de criação de animais devem há muito ser conhecidas, até demais. Perder tempo actualmente com o bem-estar das galinhas parece-me...insultuoso. E ameaçar multar as pessoas que já hoje se debatem com dificuldades sem fim, é no mínimo insensato. Desculpe a Sr. Drª M. Vieira.
Anónimo disse…
Aconselho vivamente a quem se sente indignado com esta nova legislação comunitária, a procurar informação sobre a realidade dos aviários (e não só), a crueldade atroz e, o "lixo" que nos é dado a comer!Não acredito que Deus tenha criado os animais para serem torturados e deformados! e não acredito que alguém possa ser saudável comendo o produto dessas industrias. Informem-se devidamente sobre o assunto, não olhem para o lado, porque quem sabe mais, faz melhor.
Anónimo disse…
Aconselho vivamente a quem se sente indignado com esta nova legislação comunitária, a procurar informação sobre a realidade dos aviários (e não só), a crueldade atroz e, o "lixo" que nos é dado a comer!Não acredito que Deus tenha criado os animais para serem torturados e deformados! e não acredito que alguém possa ser saudável comendo o produto dessas industrias. Informem-se devidamente sobre o assunto, não olhem para o lado, porque quem sabe mais, faz melhor.

Mensagens populares deste blogue

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência

Se eu fosse filmado secretamente...