Mensagens

A mostrar mensagens de Fevereiro, 2009

Número de católicos desce no continente americano mas sobe no resto do mundo

Público on-line 28.02.2009 - 15h37Lusa O número de católicos no continente americano desceu 0,1 por cento, enquanto no resto do mundo os fiéis aumentaram 1,4 por cento, segundo dados de 2007 recolhidos no Anuário Pontifício, hoje apresentado pelo Papa Bento XVI.

O Anuário Pontifício de 2009, que recolhe os dados da igreja de 2007, revela que os católicos representam 17,20 por cento da população mundial. Em 2007, o aumento dos católicos foi de 1,4 por cento, em comparação com o crescimento demográfico mundial de 1,1 por cento, o que deixa praticamente sem variações o número de fiéis católicos no mundo.

Segundo o documento, os católicos passaram de 1131 milhões em 2006, para 1147 milhões em 2007. A grande surpresa nas estatísticas é a descida de católicos no continente americano, não tendo o Vaticano divido os dados entre América do Norte e do Sul.

ver mais aqui

fonte original:
www.vatican.va 2009.02.28
PRESENTAZIONE DELL’ANNUARIO PONTIFICIO 2009Questa mattina, 28 febbraio 2009, è stato pres…

União de vida entre pessoas do mesmo sexo

António Pinto LeiteExpresso, 28.02.2009A questão da consagração legal da união de vida entre pessoas do mesmo sexo toca em sentimentos profundos. De um lado, o sentimento dos homossexuais. A sociedade impressiona-se com a sua arrogância, com o seu excesso, com a sua intolerância, até, mas é preciso perceber o contexto de onde tudo isso emerge: uma longa história de desconsideração social, proscritos, discriminados, ridicularizados, 'desamados'.Há 40 anos, desde que cresci, que me comove a solidão abandonada e secreta da generalidade dos meus amigos e amigas homossexuais. Revolta-me a sentença social de uma vida irreconhecida, a condenação à vergonha, deles e dos pais.Como crente, não acredito que Deus, que é Amor ou não é, queira uma condenação social de vida assim. Cabe-me, enquanto ser humano, calcular e integrar um plano de Deus em que, aceitando a diferença, acolho o outro até onde se joga a sua dignidade e a minha se não perde.De outro lado, o sentimento profundo de todos…

Quaresma

RR on-line, 20090227
Aura Miguel

Nos dias difíceis que correm, a Quaresma é uma oportunidade para prestar uma ajuda silenciosa, discreta, de pessoa a pessoa, de vizinho a vizinho…

No arranque da Quaresma, o Cardeal Patriarca deixou-nos esta provocação: Renunciar para distribuir tem de ser a regra do nosso jejum, mas “que a tua mão esquerda não saiba o que faz a mão direita”!

Ora, que o jejum implica renúncia e partilha com os que mais precisam, é mais ou menos evidente para quem leva a vida a sério, agora, fazê-lo sem dar nas vistas, é muito mais difícil!

Como disse o Patriarca de Lisboa, começa a ser constante “a exuberância no anúncio de medidas financeiras, económicas, sociais, para responder à crise”.

Às vezes, isso até pode ser bom quando as medidas são correctas, mas o alerta do Patriarca é mais profundo.

Uma vez que não está ao nosso alcance resolver os grandes problemas, é sempre mais fácil apontar o dedo aos outros, chamá-los à responsabilidade, reinvidicar soluções que os outros tê…

Se alguém quiser seguir-Me, tome a sua cruz e siga-Me (Lc 9, 23)

"Se alguém quer vir após Mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz todos os dias, e siga-Me"
(do Evangelho do dia de hoje)

Século XXI

DESTAK|26 | 02 | 2009 08.26HJoão César das Neves | Quem quer ser Bilionário é o primeiro filme do século XXI. O que o torna um marco da época não é a qualidade que tem, mas não excepcional, nem a história, divertida e engenhosa mas banal, mas o tema. Slumdog Millionaire (2008) do britânico Danny Boyle e indiana Loveleen Tandan tem enredo do britânico Simon Beaufoy baseado na novela Q and A (2005) do diplomata indiano Vikas Swarup.
Começa por ser notável um filme nomeado para 10 óscares e vencedor de 8 (incluindo os de melhor filme, realizador e enredo) ser baseado na história de um dalit, um intocável dos bairros miseráveis de Mumbai. Isto, impossível há poucos anos, mostra a era da globalização.
O principal valor do filme é mostrar, nos 20 anos do enredo, o espantoso desenvolvimento daquela sociedade, precisamente o elemento mais decisivo da nossa era. Quem olhar este filme na sua realidade, que ultrapassa os aspectos cruéis e amorosos, percebe mais do mundo do que lendo jornais e co…

O país do faz de conta

pÚBLICO, 26.02.2009, Helena Matos
A transparência agrada pouco. É mais tranquilo fazermos todos de conta que os duendes nos pagam o SNS
Pão com Ómega-3.
Infelizmente já não posso garantir que o Pão São de Cereais com Ómega-3 faz bem ao coração e o outro que tinha já não sei se Alfa ou Beta faz bem às pernas. O que sei é que o acto de comprar pão se tornou numa espécie de ida à farmácia. Adeus pães saloios, mafras e alentejanos. Agora temos o Ómega-3, mais o Prokorn, o pão são e um pão qualquer que leva Alfa Amilase. Esta evolução do alimento para o alimento-medicamento estava mais ou menos anunciada e digamos que se enquadra numa tendência global para vivermos de esguelha. Ou seja, ninguém faz aquilo que é expectável que faça porque entende que deve fazer uma outra coisa qualquer. Logo os padeiros falam como os farmacêuticos, os pais fazem de conta que são os melhores amigos dos filhos, as escolas empenham-se em educar sexualmente as mesmas crianças às quais desistiram de ensinar a tabua…

Frase do dia

Não podemos pretender que as coisas mudem, se continuamos a fazer sempre o mesmo

Albert Einstein

Homilia de Quarta-feira de Cinzas

“Convertei-vos a Mim de todo o coração”, clamou-nos Deus pela boca do profeta Joel. “Reconciliai-vos com Deus”, pediu-nos Paulo, em nome de Cristo. E, sobre a esmola, a oração e o jejum, disse-nos o próprio Cristo que tudo se há-de passar discretamente, entre nós e Deus, “que vê o que está oculto e dará a recompensa”.
Será este, irmãos e irmãs, o próprio cerne da Quaresma, como da religião autêntica, nunca por demais retomada. Aquela que Jesus Cristo nos abre com a sua mesma Quaresma, repudiando o ter, o parecer e o poder, para simplesmente ser: ser Filho de Deus humanado, ser humanidade restaurada na filiação divina.
Jesus coloca-nos os corações e as vidas, ou seja, as vidas no seu coração e essência, na única realidade consistente, que é o próprio Deus Pai, em que tudo se sustenta.
Aí colocados os corações, como o de Jesus no Pai, estaremos finalmente pacificados e livres, proporcionando ao mundo que integramos segurança certa e liberdade também, ecologia integral, se quisermos dizer a…

Curso de Aprofundamento da Mensagem de Fátima - 2.º módulo

Imagem

Hino ao relativismo

Correio da Manhã, 20090225
Carlos Abreu AmorimA ministra inglesa das Crianças, Beverley Hughes, elaborou um panfleto que visa orientar as conversas sobre sexo entre pais e filhos. Trata-se de mais um marco na ingerência do Estado na função educacional das famílias.

O documento exorta os pais a não imprimirem nos filhos a distinção entre o bem e o mal no plano sexual. Os menores deverão formar os seus juízos sem intervenção parental: o contexto social e, sobretudo, o Estado encarregar-se-ão disso. Os pais poderão ter conversas ‘light’ sobre o tema mas nada de quererem transmitir valores e virtudes ou de traçar cenários incómodos face a opções que se sabem erradas. Ou seja, o Governo trabalhista inglês quer que os pais deixem de o ser – só geram os filhos que, depois, ficam ao ‘Estado dará’.

Corar de vergonha

RR on-line, 20090225
Graça Franco

Metade da comida que actualmente se produz no mundo é desperdiçada. Não fosse assim e não só chegaria para alimentar a totalidade da população mundial como aquela que se prevê venha a existir em 2050.
Para os católicos de todo o mundo, começa hoje a Quaresma. Um tempo especial de preparação para a Páscoa. A grande festa do Cristianismo.
Para estes mais de mil e cem milhões, esta Quarta-feira ficará marcada pela prática do jejum. Mas, se para a maior parte dos cerca de 280 milhões que habita na Europa, um dia de privação voluntária de alimentos será, sobretudo, razão para dar graças pela sua abundância, nos restantes dias do ano, para a quase totalidade dos 150 milhões que habita em África, o mais provável é que este seja apenas um dia com a mesma fome de outro qualquer…

Apesar de trinta anos de progressos - segundo o Banco Mundial - há ainda hoje mais de mil e 400 milhões de pobres que vivem com pouco mais de um dólar por dia.
Um estudo da ONU revelou-nos, …

Sermão de Quarta-feira de Cinzas - Padre António Vieira

PADRE ANTÓNIO VIEIRA
Em Roma, na Igreja de S. António dos Portugueses, Ano de 1670.
Memento homo, quia pulvis es, et in pulverem reverteris (1). (1) Lembra-te homem, que és pó, e em pó te hás de converter. I. O pó futuro, em que nos havemos de converter, é visível à vista, mas o pó presente, o pó que somos, como poderemos entender essa verdade? A resposta a essa dúvida será a matéria do presente discurso. Duas coisas prega hoje a Igreja a todos os mortais, ambas grandes, ambas tristes, ambas temerosas, ambas certas. Mas uma de tal maneira certa e evidente, que não é necessário entendimento para crer: outra de tal maneira certa e dificultosa, que nenhum entendimento basta para a alcançar. Uma é presente, outra futura, mas a futura vêem‑na os olhos, a presente não a alcança o entendimento. E que duas coisas enigmáticas são estas? Pulvis es, tu in pulverem reverteris: Sois pó, e em pó vos haveis de converter. — Sois pó, é a presente; em pó vos haveis de converter, é a futura. O pó futuro, o p…

Mensagem de Quaresma do bispo do Porto

Mensagem do Cardeal Patriarca de Lisboa para a Quaresma

1. O Santo Padre Bento XVI, na sua Mensagem para a Quaresma, convida-nos a redescobrir o sentido e o valor do jejum, tendo-nos recordado primeiro que o jejum faz parte de um conjunto de práticas penitenciais muito queridas à tradição bíblica e cristã: a oração, a esmola e o jejum.

Ao acentuar uma delas, não esquece que são indesligáveis entre si, citando São Pedro Crisólogo: “O jejum é a alma da oração e a misericórdia é a vida do jejum. Portanto quem reza jejue; quem jejua tenha misericórdia. Quem, ao pedir, deseja ser atendido, atenda quem a ele se dirige. Quem quer encontrar aberto, em seu benefício, o coração de Deus, não feche o seu a quem lhe suplica”.

A Mensagem do Santo Padre é proposta para toda a Igreja e, portanto, também para a Igreja de Lisboa. Não teria sentido contrapor-lhe uma mensagem minha. Quero apenas ajudar a concretizar, no contexto da nossa diocese, o que pode significar valorizar o jejum. À partida, penso que devemos acentuar a íntima relação que há entre jejuar,…

Mensagem de Quaresma 2009

Frase do dia

Este é o tempo favorável; hoje é o dia da salvação

2 Cor 6, 3
da liturgia do dia (2.ª Carta de S. Paulo aos Coríntios)

Concerto na Igreja Matriz do Alvito - 28 de Fevereiro 21:30

Catequeses quaresmais - Sé Patriarcal de Lisboa

Imagem

Conferência: Peregrinos com S. Paulo - Caminhos de fé

Imagem

Giussani: Cristo e a Cultura

Alejandro LlanoABC, 19-2-2009 02:44:22Uma fé que não se faça cultura – dizia João Paulo II – é uma fé truncada: débilmente vivida, insuficientemente pensada, não cabalmente operativa. A fé não é cultura, certamente, não se esgota em oferecer costumes e valores numa época determinada. O cristianismo é algo mais fundo, permanente e pessoal. Mas, precisamente por isso, inclui em si mesmo uma decisiva potencialidade cultural, que se plasmou de maneiras muito ricas e diversas ao longo da história. Reduzir a religião católica à sua dimensão devocional e privada, com medo de se enfrentar com formas de pensamento alheias a ela, equivale a convertê-la numa caricatura de si mesma.don Luigi Giussani, fundador de Comunhão e Libertação, encontra-se nos antípodas de tais reducionismos empobrecedores. Ao acercar-se o dia 22 de Fevereiro, quarto aniversário do seu falecimento, recordamos o núcleo da sua mensagem que se fez vida numa multidão de pessoas. Giussani viu que o objecto da fé é, em si mesmo…