Aaron Hunt recusa penalti por não ter sofrido falta


Aaron Hunt, jogador do Werder Bremen, disse ao árbitro que não tinha sofrido falta, depois deste ter assinalado grande penalidade.
Como seria de esperar, o juiz da partida voltou com a decisão atrás e o jogo prosseguiu.
No final do encontro, o Werder Bremen venceu o Nuremberga por 2-0

A notícia de Notícias ao Minuto acrescenta: "Não é todos os dias que se pode assistir a um episódio de fair play com tais proporções".
O acrescento é justo, porém, o espanto é demonstrativo do mundo cada vez mais amoral em que vivemos.
O que é que eu faria?

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Se eu fosse filmado secretamente...

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência