Eleições, testemunho e alegria cristã



A segunda-feira seguinte às noites eleitorais é sempre pródiga em análise. Esta não é excepção e seleccionei as análises de João César das Neves, Maria João Avillez, Rui Ramos e José Manuel Fernandes.
Enquanto estes acontecimentos chamam a atenção de toda a gente, mesmo daqueles que não lhes reconhecem importância e, por isso, ficam em casa, a vida das pessoas singulares continua a desenrolar-se e é para muitos motivo de crescimento. É isto o testemunho: da irmã Lúcia e do Miguel. Testemunho é também a presença do papa Francisco na Terra Santa.
A aparência de ausência de soluções que deriva dos resultados das eleições cria um setimento de melancolia. O testemunho dos santos é o remédio para esta doença. E hoje mesmo é o dia de S. Filipe de Néri, o santo da alegria. "Pecados e melancolia fiquem longe da minha casa"

Comentários

Mensagens populares deste blogue

OS JOVENS DE HOJE segundo Sócrates

Como se calculam os 40 dias de Quaresma?