Much ado about nothing

É o título de uma famosa peça de teatro de William Shakespeare.
Ocorreu-me a propósito de toda a tinta que correu e de todo o tempo de antena de rádios e televisões sobre o adjectivo usado pelo primeiro ministro num discurso numa escola. Também neste artigo Vasco Pulido Valente analisa a atracção dos media pela irrelevância referindo-se a uma conversa entre o ministro das Finanças alemão e o ministro das Finanças português à entrada para uma reunião.
Já amanhã, mais uma conferência da série Política e Pensamento: a voz dos livros, em que Carlos Magno apresentará o livro “O príncipe” de Maquiavel. 18:30, Livraria Férin

Na sexta-feira, 17 de Fevereiro, às 21:30 a Apresentação do livro “Na origem da pretensão cristã” pelo Padre Julián Carron, presidente da Fraternidade de Comunhão e Libertação. Marque na sua agenda e ajude a divulgar. Também no Facebook



Comentários

Mensagens populares deste blogue

Se eu fosse filmado secretamente...

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência