22 de janeiro de 2013 - 40º aniversário de Roe vs. Wade

22 de janeiro de 2013 - 40º aniversário da decisão do Supremo Tribunal de Justiça Americano conhecida como Roe vs. Wade.

Numa decisão histórica de 7 contra 2 o Supremo Tribunal deliberou que a decisão de uma mulher fazer um aborto está dentro do seu direito à privacidade, embora este direito deva ser balançado com os dois interesses legítimos que o Estado defende ao regular o aborto: a protecção da vida pré-natal e a saúde da mãe. Com o argumento que os interesses que o Estado deve defender se tornam mais fortes `com o avanço da gravidez, introduziu o trimestre e depois as semanas de gravidez como medida desse balanço. Em argumentação posterior foi introduzido o conceito de viabilidade.
A historicidade de Roe vs. Wade resulta do debate que, de então para cá foi aberto e é periodicamente reavivado não só nos Estados Unidos, onde a questão do aborto é tema de quase todas as campanhas eleitorais (dividindo o país sensivelmente a meio) como em todo o mundo ocidental.
Deve ser uma data a recordar se anima em nós o vigor da defesa da vida e do reconhecimento que a dignidade humana é muito anterior e superior a qualquer decisão judicial por mais importante que seja.
Se há um dia dos Santos Inocentes logo a seguir ao Natal, este é também um dia de memória de tantos milhões de vidas no pensamento de Deus que nunca chegaram a pisar esta terra e que seguramente o louvam no Céu. Pedir-lhes pelas suas mães, para que consigam recuperar um dia a paz perdida é a oração do dia de hoje

Comentários

Mensagens populares deste blogue

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência

Se eu fosse filmado secretamente...