Henrique Leitão distinguido com Prémio Pessoa 2014

Agência Ecclesia 

Henrique Leitão, doutorado em Física e professor da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, é o vencedor do Prémio Pessoa 2014.


O investigador do Centro Interuniversitário de História da Ciência e da Tecnologia, na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa participou na iniciativa "Átrio dos Gentios", do Conselho Pontifício da Cultura para o diálogo entre crentes e não crentes, que decorreu em Braga em novembro de 2012.
Na altura, Henrique Leitão destacou que o Cristianismo permitiu que o discurso culto sobre ciência passasse a ser "partilhado por toda a gente".
"Nenhuma força promoveu mais culturalmente a ideia de uma natureza que permite que se faça ciência do que o Cristianismo", referiu.
O Prémio Pessoa é uma iniciativa do jornal semanário Expresso e da Caixa Geral de Depósitos que, desde 1987, distingue a personalidade portuguesa cuja obra se tenha destacado nas áreas da Artes, Ciência ou Cultura.
Da lista de vencedores contam-se 30 nomes de diversas áreas, desde artistas a músicos, escritores ou historiadores, arquitetos, filósofos ou cientista e o anterior bispo do Porto.
O agora patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, recebeu o Prémio Pessoa 2009 desafiando à "confiança coletiva" e rejeitando quantos se reveem apenas como "imperadores do mundo ou mendigos da Europa".
Aos longos destes anos destacam-se outros nomes de diversas áreas como Maria João Pires, Souto Moura, João Bernard da Costa ou Luís Miguel Cintra, José Mattoso e Eduardo Lourenço, bem como Richard Zimler, Ramos Rosa e Manuel Alegre.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Se eu fosse filmado secretamente...

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo

A família, espaço de resistência