Francisco e Jacinta canonizados em Fátima já no 13 de Maio

RRONLINE   20.04.17

O Papa Francisco confirmou esta quinta-feira, em consistório, que a canonização terá lugar durante a sua visita a Portugal, precisamente no centenário da primeira aparição.


A canonização dos pastorinhos Francisco e Jacinta terá lugar já no próximo dia 13 de Maio, em Fátima, durante a visita do Papa ao santuário.
A data e a hora da cerimónia foram confirmadas pelo Papa esta quinta-feira de manhã num consistório que teve lugar em Roma. Imediatamente a seguir a ser conhecida a notícia, em Fátima começaram a repicar os sinos e o reitor do Santuário dirigiu-se à Capelinha das Aparições, para rezar em acção de graças.
Desde que a Igreja anunciou que não havia obstáculos à canonização que esta era uma hipótese, no entanto não era uma certeza. Nem sempre os santos são canonizados nas suas terras. Teresa de Calcutá é um exemplo de uma santa recente que foi canonizada numa cerimónia em Roma, e não na Índia, onde desenvolveu grande parte do seu ministério.
Mas o facto de o Papa Francisco visitar Fátima para assinalar o centenário da primeira aparição foi alimentando a esperança de que a Igreja permitiria fazer-se a canonização em pleno centenário, o que agora se confirma.
A irmã Ângela Coelho, postuladora da causa de canonização dos pastorinhos, estava presente no consistório onde o Papa anunciou esta decisão de canonizar Francisco e Jacinta em Fátima e, em declarações à Renascença, não pôde esconder a sua "alegria e comoção indiscritíveis".
Para a irmã Ângela, esta decisão do Papa não só fará da canonização o ponto alto das celebrações do centenário de Fátima, como confirma a "importância deste lugar para a Igreja em Portugal e para o mundo inteiro. Um lugar onde houve uma mensagem que agora sabemos leva à santidade."
Francisco e Jacinta Marto eram irmãos e juntamente com a sua prima Lúcia viram Nossa Senhora na Cova da Iria no dia 13 de Maio de 1917. Apesar da repressão de que foram alvo por parte das autoridades civis e eclesiásticas, as crianças mantiveram-se firmes nas suas afirmações e as aparições foram-se sucedendo, culminando no milagre do Sol, testemunhado por milhares de pessoas, em Outubro do mesmo ano.
Francisco e Jacinta acabaram por morrer ainda crianças, vítimas de doença. As canonizações de crianças são raras na Igreja católica e esta fará de Jacinta Marto a mais nova santa não-mártir da Igreja, com apenas nove anos.
Para que a canonização fosse possível foi necessário a Igreja reconhecer a realização de um milagre por intercessão dos pastorinhos. A irmã Ângela Coelho recorda que as novas regras da Congregação para as Causas dos Santos impede os envolvidos no processo de divulgar detalhes desse milagre, sobretudo quando o miraculado é um menor, o que é o caso agora, e adianta apenas que a criança em causa é do Brasil. "Será a família a falar, se o entender e quando assim o entender", sublinha.
Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Sou mãe de um forcado. E agora?

Suécia persegue parteiras que se negam a praticar abortos

Gomes-Pedro: “A mãe não precisa de descansar e dormir, precisa é de namorar com o seu bebé”