Taxas moderadoras no aborto?

Está a correr no site da TSF um inquérito on-line que pergunta:
http://www.tsf.pt/paginainicial/ lado direito acima do Futebol


Concorda com a aplicação de taxas moderadoras às interrupções voluntárias da gravidez?
Sim                  73% 134 votos              78%     528 votos
Não                  25%  46 votos              21%     141 votos
Sem opinião       2%    4 votos                 1%        9 votos
Às 17:10 de  22 de Maio                                                   às 10:00 de 23 de Maio

Comentários

Artur Almeida disse…
Desculpem-me uma pergunta:
Então eu pago taxas para me curar de doenças e essas senhoras não têm que pagar para matar?
Deveriam era pagar mais que qualquer cidadão e terem que responder criminalmente pelo acto em si.
Anónimo disse…
Esta sondagem não deixa resposta possível.
como poderemos concordar ou discordar com taxas moderadoras para assassinatos?

Se respondermos sim, estamos a dar a entender que aprovamos o aborto no SNS?

Rodrigo
Anónimo disse…
quem quer fazer aborto deve pagar do seu bolso. o aborto não pode ser financiado por todos nós e muito menos por quem não concorda com ele. Por isso perguntar se devem pagar taxa moderadora não faz sentido.
Francisco Melo disse…
O inquérito da TSF é desonesto e não permite tirar conclusões:
1. Quem é a favor do aborto, mesmo que seja minoria, concordará que o crime hediondo e monstruoso deva ser financiado pelo Estado que não é de direito, mas criminoso (contra o direito);
2. Quem não é a favor da violação dos direitos humanos dos inocentes e indefesos, ao ver tal inquérito, onde falta a pergunta se concorda ou não com o aborto, mesmo que fosse a maioria, não pode responder a nada, pois também não dá para responder às outras opções. A forma como é feito aos alhos e os bugalhos afastam os que são contra o aborto de dizer alguma coisa...
Independente de maiorias e minorias - Caim não tem o direito a matar ninguém, não depende de inquéritos, se alguém pode praticar o homicídio - os que concordam com taxas moderadoras, neste inquérito, devem ser a maioria, porque o inquérito está viciado a favor deles. Não há imparcialidade, mas batota, como sempre foi assim a cultura da morte, cheia de mentiras.
Anónimo disse…
Em troca de mails com amigo Sacerdote do norte do País, referiu que por haver só hipótese de resposta sim ou não, o votar sim pode ter motivações completamente distintas e até contrárias entre si o que gera confusão e ambiguidade.

Por outro lado referiu também que, por vezes, só é possível uma remoção parcial do mal. Mas importante que fazendo-o se evite o escândalo e a ambiguidade.

Rodrigo

Mensagens populares deste blogue

OS JOVENS DE HOJE segundo Sócrates

16 de Julho - Nossa Senhora do Carmo