quarta-feira, 1 de março de 2017

40 dias pela vida | Diário

1 de Março de 2017


Começou hoje a 5ª campanha dos 40 dias pela Vida em Portugal.
Estiveram cerca de 20 pessoas a rezar nos vários turnos.
Temos a grande alegria de que logo de manhã uma mulher desistiu de abortar. Já tinha entrado para fazer o aborto e uma missionária das Mãos Erguidas abordou o marido. Ele contou que são emigrantes de leste mas moram em Almeirim e já têm outros filhos. A missionária disse-lhe que podia ajudá-lo a resolver a situação dos passaportes caducados e ficou tão contente que foi chamar a mulher e disse-lhe que não abortasse que iam ter ajuda. Ela, que está grávida de 9 semanas saiu e ficou também muito contente pois os dois estavam com muita pena de ir abortar aquele bebé. Foram de seguida acompanhados ao Ponto de Apoio à Vida e quando a Missionária se despediu deles na estação agradeceram-lhe ambos muito comovidos e contentes.
O pai do bebé precisa de trabalho em Almeirim, ele sabe trabalhar no campo e pintar casas. A missionária acha que este milagre teve muito a ver com a oração de três jovens de 17 anos que foram rezar no turno das 11, quando se deu esta conversa.
De resto houve muitos abortos, pois terças quartas e quintas são os dias dos médicos espanhóis virem fazer abortos.
Tentámos falar com várias grávidas que não se deixaram abordar.
Uma rapariga com quem falámos vinha acompanhar a sua prima de 30 anos que estava nesse momento lá em baixo na sala de operações a abortar, e disse-nos que a prima tinha mesmo de abortar pois já tinha outro filho de dois anos e o pai deste a tinha abandonado. Ela veio com a prima porque ela própria já tinha feito um aborto com 18 anos. Demos-lhe um folheto das vinhas de Raquel.
Enviar um comentário